Deputado Silas Brasileiro batalha por maiores incentivos à produção de café de qualidade.


No dia 11 de novembro de 2015, no plenário da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural - CAPADR, foi aprovado – por unanimidade – o Projeto de Lei n.º 1.713/2015, de autoria do Deputado Evair de Melo (PV/ES), que “Institui a Política Nacional de Incentivo à Produção de Café de Qualidade.”.

O Relator do PL, Deputado Luiz Cláudio (PR/RO), ao expor o seu voto, considerou importantes sugestões apresentadas pelo Deputado Silas Brasileiro (que também é o Presidente do Conselho Nacional do Café – CNC), promovendo, por meio de emendas, ajustes ao texto original, visando aperfeiçoar a proposição.

As emendas ao texto explicita que o incentivo à melhoria de qualidade destina-se as espécies Coffea Arabica e Coffea Canephora (robusta e conillon) e, ainda, garante ao Conselho Deliberativo da Política do Café – CDPC à condução da implementação da referida política nacional de incentivo, com base em seus estudos e decisões.

O Deputado Silas Brasileiro celebrou a aprovação da proposta, com as emendas, esclarecendo que: “O nosso objetivo é fortalecer a representação do setor produtivo nacional no delineamento da política de café do Brasil, a qual se concretiza via Conselho Deliberativo da Política do Café (CDPC). Como é interesse precípuo da produção nacional o aumento da qualidade dos cafés do Brasil, o envolvimento do CDPC é a melhor estratégia para garantir um amplo alcance da Política Nacional de Incentivo à Produção de Café de Qualidade.”

Sobre Silas Brasileiro

Estatuto do Idoso 

Balanço Semanal