top of page

Expocacer é a primeira do mundo com certificação regenerativa


A Expocacer (Cooperativa dos Cafeicultores do Cerrado), informou nesta segunda-feira (27) que acaba de receber o selo de certificação regenerativa para 5,5 mil hectares de lavouras de café. Criada em 1993 e com sede no município de Patrocínio (MG), a cooperativa exporta os grãos para cerca de 30 países.


A certificação renegerativa veio por meio da auditoria da Regenagri, que é um programa internacional de agricultura regenerativa baseado no Reino Unido.


Atualmente, o programa é utilizado por cerca de 90 mil fazendas no mundo, em 1 milhão de hectares. Também entra no processo a inglesa Control Union, agente certificador com um século de mercado.


A certificação garante a integridade dos processos da Expocacer na recepção e no tratamento dos cafés dentro do manejo regenerativo. Estão nas avaliações a utilização de energia renovável, coleta seletiva e a rastreabilidade dos cafés armazenados, acompanhando o percurso do produto desde sua entrada no armazém, até sua distribuição aos consumidores finais.


“Parabenizamos a Expocacer pela conquista. É um testemunho do comprometimento da cooperativa com a excelência e a sustentabilidade em toda a cadeia produtiva. A certificação não apenas agrega valor ao comércio do café, mas também fortalece a fidelidade dos consumidores que buscam produtos com garantia de origem e práticas ambientalmente responsáveis. Esse pioneirismo e compromisso com a qualidade são grandes marcos da gestão eficiente”, disse o presidente do Conselho Nacional do Café, Silas Brasileiro.


Com informações da Ascom Expocacer


Mais informações para a imprensa Assessoria de Comunicação Alexandre Costa – ascomsilasbrasileiro@hotmail.com (61) 3226-2269

bottom of page