top of page

Funcafé chega a mais de R$ 4,68 bilhões já contratados pelos agentes financeiros


O Conselho Nacional do Café (CNC), guardião do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé), acompanha diariamente o andamento das liberações aos agentes financeiros dos recursos do Fundo, aplicado exclusivamente na cadeia do café. Os produtores de café do Brasil podem acessar os recursos através dos agentes financeiros que operam as linhas de crédito do Funcafé. Os editais de contratação estão sendo publicados em no Diário Oficial da União (DOU).


Dos R$ 6,058 bilhões ofertados pelo Funcafé na safra 2022/2023, já estão disponíveis a vinte e oito agentes financeiros mais de R$ 4,68 bilhões, cerca de 78% do valor global. “O trabalho que está sendo desenvolvido pelo Ministério da Agricultura, aprovado pelo Conselho Deliberativo do Política do Café (CDPC), gestado de maneira eficiente pela Secretaria de Política Agrícola, através do Secretário Guilherme Sória Bastos Filhos, e em especial pelo Departamento de Comercialização e Abastecimento, sob a direção de Sílvio Farnese e a coordenação-geral do café, Janaína Macedo, precisa ser destacado a todo tempo. Estamos na segunda semana de agosto e acreditamos que no final dessa semana todos os agentes já estarão operando 100% dos recursos do Funcafé. Reiteramos que isso é histórico”, elogiou Silas Brasileiro, Presidente do CNC. Saiba mais


Mais informações para a imprensa

Assessoria de Comunicação

Alexandre Costa – ascomsilasbrasileiro@hotmail.com

(61) 3226-2269

bottom of page