top of page

Mercado do Café/NY deve encerrar a primeira semana de outubro com volatilidade

O mercado futuro de café arábica negociado na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) deve encerrar a primeira de semana de outubro em queda, ainda muito volátil. O vencimento dezembro/22, o mais líquido, encerrou ontem (06/10) o pregão em 217,70 centavos de dólar por libra-peso, devolvendo os exatos 2% de alta da última semana (385 pontos) em comparação com a cotação da quinta-feira (29/09). O café robusta na Bolsa de Londres (ICE Futures Europe) fechou esta quinta-feira com queda semanal de US$ 13 (0,60%) a US$ 2.140 por tonelada.


O dólar à vista fechou em leve alta ante o real na quinta-feira (06), com valorização de 0,50%, em R$ 5,2099. Na semana, a moeda americana se desvalorizou em 3,42% com relação à brasileira.


A Somar Meteorologia informa que uma nova frente fria avança sobre a Região Sudeste nesta sexta e aumenta a chuva em Minas, Rio e norte de São Paulo. Amanhã (8), a entrada de uma massa de ar de origem polar diminui as temperaturas em São Paulo e no sul de MG, além de deixar o tempo firme e sem previsão de chuva no sul do Rio de Janeiro. No domingo, “a passagem de uma nova frente fria mantém as instabilidades em toda a Região Sudeste, provocando chuvas”, prevê a Somar ao Broadcast.


No mercado físico, os pesquisadores do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) informaram que as cotações domésticas caíram ontem. Os indicadores calculados pela instituição para as variedades arábica e robusta se situaram em R$ 1.233,20 por saca e R$ 698,39 por saca, com variação semanal negativa de 4,17% e de 5,33%, respectivamente.



bottom of page